DISCLAIMER


DISCLAIMER: 1. The risk of trading equities and/or derivatives can be substantial. 2. Any decision to purchase or sell as a result of the opinions expressed in this blog will be the full responsability of the person authorizing such transaction. 3. Past performance is not indicative of future results.

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Long Naked Calls: Which Strike?

Afinal, qual o melhor strike para compras curtas a seco?

Entram aí algumas considerações: Depende do tempo até o vencimento da opção e do momentum do ativo-base. De maneira mais conservadora convém preferir o primeiro strike "dentro do dinheiro" (in-the-money) ou aquele no dinheiro (at-the-money) para operações bem curtas. Este quase sempre é o mais líquido. Geralmente não fará diferença entre um e outro. Em semanas de vencimento prefiro strikes mais ITM que já possuem grande valor intrínseco. Nesse caso o prêmio das opções tende a se comportar mais como o price action do ativo-base.

O operador deve perseguir consistência. E não homeruns para contar aos netos. As operações com derivativos servem de leve alavancagem à rentabilidade da carteira. E se você tem menos que 5 anos de operação por conta própria em renda variável e/ou "estômago fraco" para volatilidade, fique de fora.

2 comentários:

Anônimo disse...

adorei.
flap.

Fact Finder disse...

Que bom. :)